8 dicas para evitar a má digestão noturna

Nossa digestão está diretamente relacionada com o nosso período noturno, isso é fato. O curioso é que, pensando nisso, aquelas dicas que a sua avó provavelmente te dava para dormir melhor podem estar certas. E o motivo é simples: se eu tenho uma boa digestão, eu consigo ter uma noite de sono muito mais profunda. Ou seja, dormir será muito mais reparador para o nosso organismo se você evitar a má digestão noturna.  

8 dicas para evitar a má digestão noturna

A nossa parceira nutricionista, Dra. Larissa Godoy, diz: “Toda modulação dos nossos hormônios, que sabemos que são feitas no período noturno, estarão acontecendo. Então fazer refeições mais leves antes de dormir (lembrando de evitar alimentos industrializados, de má qualidade), vai ajudar nesse processo digestivo com maior eficácia, diminuindo o bombeamento sanguíneo.”  

Pois então, aqui vão algumas dicas para evitar a má digestão noturna:  

 

Coma mais devagar  

Quando nos alimentamos muito rápido, estamos cometendo alguns erros. Dentre eles, não mastigar direito, o que dificulta o trabalho do estômago, e não dar o tempo necessário para o cérebro processar a informação de que estamos comendo, atrasando a sensação de saciedade. 

 

Coma sempre com a postura ereta 

Comer deitado ou em qualquer posição que não seja ereta vai afetar negativamente a sua digestão. Falar enquanto come também prejudica o processo, pois facilita a entrada de ar no estômago, gerando gases.  

 

Não beba enquanto come 

Quando você ingere muito líquido (principalmente com gás) durante uma refeição, seu estômago enche mais e pode causar mal estar e má digestão noturna, pois o corpo vai demorar mais para digerir tudo.  

 

Evite a boca seca 

A saliva é parte muito importante do processo de digestão. Ela inicia o processo liberando as primeiras enzimas que ajudam na trituração dos alimentos.  

 

Evite fumar e consumir álcool  

A nicotina afeta o sistema digestivo pois provoca a diminuição da contração do estômago, além de causar úlceras e azia.  

A mesma coisa com o álcool: ele prejudica a absorção dos nutrientes, causando esofagite, gastrite e até diarreia.  

 

Se possível, evite respirar pela boca enquanto come 

Eu sei, muitas pessoas têm alergias respiratórias e passam a maior parte do tempo com as narinas entupidas. Mas respirar pela boca enquanto come leva mais ar para o estômago e provoca gases.  

 

Saiba a hora de se exercitar  

Logo depois que você se alimenta, o fluxo sanguíneo se concentra nos órgãos que fazem a digestão dos alimentos. Mas, se você fizer exercícios pouco depois de comer, esse fluxo sanguíneo será direcionado para os músculos. Então é necessário esperar que a digestão dos alimentos seja completa, o que leva cerca de 2 horas. 

 

Evite roupas e cintos muito apertados  

Roupas com elásticos apertados e cintos te esmagando fazem com que seu estômago seja pressionado. Isso obriga a comida a retroceder para o esôfago, causando azia e refluxo.  

 

E, claro, consulte sempre um especialista.  

 

Produtos Desinchá

 

Comente aqui

avatar