Loja Oscar Freire

Loja Rappi

Lojas parceiras

Desinblog

Desinchef

E-books

Cursos

Quem somos

Trabalhe Conosco

A parte que todo mundo esquece ao criar um novo hábito

A maioria das pessoas entende um hábito como uma rotina. Por exemplo: se exercitar. Só que isso não é um hábito. É só uma parte dele.

novo hábito


Diferenciando um hábito e uma rotina

A rotina é aquela atividade que queremos incorporar na nossa vida. Só que ela se torne uma tarefa que a gente realiza sempre, ela precisa de outros componentes. Vamos falar sobre eles a seguir, usando o exemplo do começo desse texto: iniciar uma rotina de exercícios

Algumas pessoas ainda dão um passo a mais e criam uma “deixa” pra essa rotina. Por exemplo: “vou exercitar depois do trabalho“.

Mas a parte que todo mundo esquece ao criar um hábito novo – e tão importante quanto as outras – é a recompensa DEPOIS de performar essa rotina.


Por que esquecemos da recompensa na hora de criar um novo hábito?

 Às vezes isso acontece naturalmente. Todos os dias de manhã, por exemplo, depois de acordar, você escova os dentes. A “deixa” aí é óbvia: “depois de acordar.” Só que a recompensa não. Ela tem a ver com a refrescância na boca (totalmente dispensável pra fazer sua higiene bucal, mas desenvolvedores de produtos entendem alguma coisa sobre criação de novos hábitos).  
 
No caso dos exercícios, pra quem já pratica alguma atividade há bastante tempo, isso vem na forma de endorfinas que causam uma sensação de prazer e realização. Pra quem tá começando, a sensação no corpo pode ser só de dor, horror e exaustão.

Mas mesmo que você esteja só começando (na verdade, PRINCIPALMENTE se esse for seu caso)… Ainda assim vai ficar muito mais fácil manter o seu hábito se você arquitetar uma recompensa.

Como arquitetar uma recompensa

Isso é mais simples do que você imagina. Se a rotina que você quer incorporar não traz prazer natural, você pode simplesmente fazer alguma coisa que lhe dê prazer depois de riscar isso da sua lista de coisas a fazer. 
 
No livro O Poder do Hábito, o jornalista Chales Duhigg explica que algumas pessoas começaram a comer um chocolate depois de treinar. E com isso conseguiram manter a consistência dos exercícios. Depois de um tempo, já estavam tão acostumados à nova rotina, que deixaram a recompensa artificial pra trás. Eles já conseguiam aproveitar todos os benefícios das endorfinas. 
 
Outro exemplo? Já reparou que algumas academias têm cadeiras de massagem? 
 
Ou já se perguntou porque treinos de yoga costumam terminar com um relaxamento gostosinho? 
 
Mesmo se estiver treinando em casa, você pode pegar seu creme hidratante preferido e se dar a melhor massagem nos pés desse lado do Equador. 
 
Inclusive, algo simples como uma dança da vitória pode lhe ajudar aqui. 
 
Qualquer que seja o hábito novo que você tá querendo implementar, só não esqueça de se dar uma recompensa quando você fizer tudo como manda o figurino. Pode parecer que você tá treinando o seu cérebro feito um cachorro de Pavlov (e você tá mesmo)… Mas isso vai te ajudar a associar boas sensações com esse hábito. 
 
Se não for prazeroso, você não vai conseguir manter sua rotina. 
 
Foi pensando nisso que nós lançamos a linha Desinchá Sabores. É um sabor mais gostoso que o outro!

Comente aqui

avatar