Loja Oscar Freire

Loja Rappi

Lojas parceiras

Desinblog

Desinchef

E-books

Cursos

Quem somos

Trabalhe Conosco

Além de nutricosméticos: o que comer para cuidar da beleza

O verão acabou, mas seu cabelo ficou esturricado de sol. Chegou o outono, e o tempo seco está acabando com sua pele. Há dias você reclama que uma faxina levou embora suas unhas, que estão quebradiças e frágeis. Para resolver esses problemas, pensamos imediatamente em ir ao dermatologista (não sem antes consultar o Google) para ter indicações de nutricosméticos. 

Mas saiba que a solução pode estar logo ali, na sua cozinha e na despensa!

nutricosméticos


A relação entre alimentação e beleza 

Beleza em cápsula ou em gotas. Assim algumas pessoas chamam os nutricosméticos ou nutracêuticos. E por quê? Bom, de fato, eles são interessantes. Têm efeitos antioxidantes e, por isso, são ótimos para prevenir e tratar processos de envelhecimento precoce. Além de reduzir a formação de radicais livres, estimulam a produção de colágeno, reduzem a pigmentação e a acne, são fotoprotetores e melhoram a hidratação.  

Os nutricosméticos são, assim, aliados de uma pele saudável, um cabelo lindo e unhas fortes. É fato. Mas qual o princípio básico dessas substâncias? Dar a você os nutrientes necessários para usufruir desses benefícios que citamos. E qual a forma mais básica de conseguir tais nutrientes? Pela alimentação.  

Em outras palavras: tudo que existe nos nutricosméticos você pode comer. Eles reúnem nutrientes que podem ser encontrados nos alimentos de uma dieta equilibrada e rica. Uma boa alimentação é baseada em refeições saudáveis e nutritivas. Quando a associamos à beleza, pensamos em alimentos que fazem bem para pele, unhas e cabelos.

De forma bastante simples, uma alimentação eficiente: 

  • auxilia na circulação sanguínea; 
  • combate espinhas e inflamações; 
  • é fonte de vitaminas que rejuvenescem a pele; 
  • prolonga a vitalidade da pele, dos cabelos e das unhas.  

Existem alimentos “amigos da beleza”. Mas antes de falar sobre isso, deixa só a gente tirar uma coisa do caminho… Falar de beleza, para nós, é falar de você se sentir bem ao se olhar no espelho. Sentir-se saudável, bonito ou bonita na sua concepção. 


Os amigos da beleza 

Se você realmente quer melhorar a saúde e a qualidade da sua “trinca da beleza”, deve conhecer seus verdadeiros amigos. 

 

#1 Silício

Já ouviu falar em silício? Esse mineral é um dos nutrientes considerado um grande amigo da beleza. Confere bastante saúde para cabelos, unhas e pele, porque trabalha pela regeneração do organismo. Já pode começar a incluí-lo em sua dieta! Ele está presente em frutas frescas, cereais integrais, grãos e vegetais verdes escuros. Fácil de encontrar. 


#2 Óleo de coco

E o que dizer do óleo de coco, queridinho da hidratação da pele? Rico em gordura saturada, ele possui ácido láurico (antibacteriano e antiviral), é rico em vitamina E e ácidos graxos essenciais. Esse é o motivo pelo qual compõe muitos hidratantes e cremes faciais, pois mantém a pele macia e sem rugas.

Mas este são só dois exemplos de como usar a alimentação para cuidar da beleza. Veja outros! 


#3 Frutas vermelhas

Frutas vermelhas são alimentos conhecidos por conterem enorme quantidade de antioxidantes. Antioxidantes são substâncias que combatem os efeitos dos radicais livres, que aceleram o envelhecimento. 

Alguns exemplos de frutas vermelhas (elas são deliciosas!): morango, goji berry, blueberry, cranberry, framboesa, açaí, amora, cereja e jabuticaba. Além do consumo natural (porção da fruta), você pode usá-las em sucos e vitaminas.  

A vitamina C presente nas frutas vermelhas aumenta a produção de colágeno. Isso quer dizer menos rugas e linhas de expressão, mais firmeza da pele e mais proteção aos efeitos nocivos do sol e da poluição. 


#4 Oleaginosas, sementes e cereais integrais
 

Amêndoas, nozes, castanhas, pistache, avelã, macadâmia. As oleaginosas são grandes aliadas de uma dieta equilibrada e saudável. Também são ótimas para cuidar da beleza. E qual o motivo? São ricas em selênio (presente na castanha-do-brasil), ômega 3 (atenua processos inflamatórios e combate a acne) e vitamina E (ajuda a formar colágeno e acelera a cura de lesões na pele). 

Esse poderosos nutrientes da beleza têm função antioxidante, que, como dissemos, combate o envelhecimento precoce. A dermatologista Tatiane Curi, do Hospital Sírio-Libanês em São Paulo, explica que eles conferem “proteção contra o envelhecimento prematuro e melhoram o aspecto geral da pele em relação às rugas e à flacidez”.  


#5 Sementes

Já as sementes, como linhaça, girassol, chia e semente de abóbora são ótimas para a pele. Em geral, são ricas em selênio magnésio, proteína e vitamina E. Na prática, propiciam uma pele mais hidratada, com menos rugas e acne. 


#6 Cereais integrais

Os cereais integrais, por sua vez, são ricos em vitaminas, fibras e minerais, como zinco, selênio e magnésio. Arroz integral, quinoa, aveia, centeio, amaranto e cevada são ricos em zinco, antioxidante que ajuda a sintetizar colágeno e queratina. Eles possuem grande capacidade de controlar a oleosidade na pele e inflamações. Sem falar que as fibras regulam o intestino e auxiliam na eliminação de toxinas, melhorando o aspecto da pele de forma geral. 


#7 Proteínas

Engana-se quem pensa que as proteínas são importantes apenas para quem quer um corpo musculoso. O colágeno e a queratina (compõe a estrutura do cabelo) são proteínas, e isso nos diz tudo sobre a importância dela numa alimentação de beleza. A partir dos 30 anos, nossa produção de colágeno cai. Isso quer dizer que a elasticidade, a textura e a sustentação da pele não é mais a mesma. 

A alimentação aparece como importante meio de estimular a síntese dessa proteína. Por isso, é importante o consumo de peixes, derivados do leite, leguminosas, carnes brancas e vermelhas.  

No entanto, profissionais destacam que a capacidade de regeneração do corpo é maior se consumirmos menos proteína animal. Por isso, indicam alternar o consumo: consuma cada grupo (carne vermelha; proteína vegetal; peixes e frutos do mar; ovos e frango) duas vezes na semana. 

 
 

Usar a alimentação para cuidar da beleza é uma forma de autocuidado. Pode parecer difícil para algumas pessoas, mas é uma questão de hábito. Que tal tentar se adequar aos poucos? Se você adora doces, dê preferência a frutas, mel e chocolate com no mínimo 70% de cacau. Se não conseguir resistir às tentações, tome um chá desintoxicante e está ótimo. Um dia de cada vez. 

E uma última dica: alguns nutricosméticos podem potencializar os resultados de uma boa alimentação, somado a outros cuidados.

Matchá Máscara Detox

Comente aqui

avatar