Chá não faz milagre, maaasss….

Mulher tomando chá

Você consegue imaginar a primeira pessoa que tomou chá? Uma caneca fumegante, o vapor no rosto. Uma fragrância doce, reconfortante. E depois do primeiro gole, o chá aquecendo o corpo por dentro. Trazendo energia e bem estar…

Opa. Agora deu vontade de ir ali esquentar água, voltamos em 2 minutinhos.

Pronto! Escrever esse texto com um Desinchá quentinho ao lado vai ser outra experiência!

Harley Quinn lendo e tomando chá

Onde a gente estava mesmo? Ah sim, chás!

Além de deliciosos, eles têm uma série de benefícios para a saúde.

Um dos primeiros registros escritos sobre essa bebida é do século III a.C., quando um médico chinês receitou chá a um militar que se sentia sem ânimo. Já nessa época, os orientais deviam saber, ainda que intuitivamente, sobre as propriedades revigorantes dos chás.

Nossas avós também, né? Que muitas vezes tinham um chazinho na manga para qualquer mal-estar. <3

Para muitas pessoas, ainda hoje, eles são grandes aliados de uma vida saudável. Seja tomando uma xícara logo ao acordar, seja depois das refeições, ou até mesmo antes de dormir (desde que a bebida não tenha cafeína ou efeitos estimulantes).

Mas nem todos os chás são iguais.

Desinchá.jpg

O que se considera como “chás reais” são as bebidas produzidas a partir de uma planta específica - a Camellia sinensis. É daí que vem os chás preto, verde, branco, oolong e pu erh.

De uma forma geral, essa categoria é famosa por combinar (em maior ou menor grau) antioxidantes poderosos e cafeína. Por isso, são ótimas opções para começar o dia e para beber à tarde.

Por outro lado, existem os “chás herbais”, que não contêm cafeína. Eles podem ser feitos com ervas e temperos secos, frutas e flores. Por não serem cafeinados, você pode prepará-los a qualquer hora do dia, e alguns inclusive prometem te ajudar a dormir melhor.

Muitos chás herbais também são ricos em antioxidantes, e têm uma série de outros benefícios. Acelerar o metabolismo, auxiliar a digestão, diminuir o desejo por açúcares, aumentar a sensação de saciedade, potencializar o raciocínio...

E para te contar mais sobre isso, preparamos uma série especial. Ao longo das próximas semanas, vamos postar conteúdos aqui no blog falando sobre as principais propriedades de cada um dos ingredientes do Desinchá.

Por hora, basta saber que eles não fazem milagre, mas que ajudam a levar um estilo de vida mais saudável… Ah, eles ajudam!

Só que você precisa levar alguns detalhes em consideração, ok?

Não adianta preparar um chá incrível, se depois você enche ele de açúcar.

A gente garante a qualidade do Desinchá, mas outras marcas podem usar aditivos, realçadores de sabor ou adoçantes na mistura.

Alguns fabricantes também usam PET nos saquinhos, um material plástico e tóxico que pode passar para o chá. Evite isso!

Por fim, se você está grávida, recomendamos consultar seu médico antes de testar diferentes chás. Os efeitos podem variar de pessoa para pessoa, mas é sempre bom se precaver. :)

Dança dos bules

Por aqui, a xícara de Desinchá está chegando ao fim, então para finalizar...

Cuidar da sua alimentação, do seu sono, e se movimentar (mesmo que você não faça isso na academia) são essenciais para manter uma vida saudável, desinchar e queimar gordura.

Mas os chás têm muito a acrescentar à sua rotina.

E você, já tomou seu Desinchá hoje? ;)

Nos vemos no próximo post.