Fuja do folclore: veja dicas comprovadas para evitar câimbras

Só quem já sentiu câimbra pelo menos uma vez na vida sabe o quão doloroso isso é. Sentir o músculo repuxando como se duas pessoas estivessem fazendo cabo de guerra com a sua perna. Misericórdia! Pois é. Assim como você, eu também já senti muita câimbra. Perdi a conta de quantas vezes acordei às 2h / 3h da manhã me contorcendo de dor. Acredite em mim: se tem uma coisa que me incomoda, é aquilo que interrompe o meu precioso sono, grr. Resolver esse probleminha com as câimbras era uma questão de vida ou morte. 

Patinho dormindo

Meu avô sempre foi uma pessoa cheia de truques e gambiarras. E olha só… Ele tinha uma “gambiarra” para meus problemas com câimbra também. Pelo o que ele me contou, quando era jovem também sofria horrores com essa maldição. Até que um dia contaram para ele que, se ao dormir, você colocasse três castanhas portuguesas embaixo do travesseiro, ele não teria mais câimbras durante a noite. Aí eu sempre escuto: “Você está tirando onda com a minha cara, né?!”. Mas não, eu não estou. Essa realmente foi a solução que ele encontrou para não ter câimbras durante a noite. 

A partir daí, todos os dias, durante váááários anos (vários MESMO!) ele colocava três Castanhas Portuguesas (em maiúsculo para enfatizar que nenhuma outra castanha daria certo) embaixo do travesseiro antes de dormir.

Fuja do folclore: veja dicas comprovadas para evitar as câimbras 

Muito bem, um problema a menos para ele se preocupar. Durante a noite ele supostamente não sofreria mais com câimbras. Mas e durante o dia? O que ele faria para não sentir essa dor enquanto estivesse atravessando a rua, ou fazendo compras no mercado, ou até mesmo andando em seu burrinho Amendoim?? (Pois é, meu avô tinha um burro de estimação que se chamava Amendoim) 

Mais uma vez ele havia encontrado uma solução para isso, e não envolvia andar por aí carregando três castanhas portuguesas no bolso. Era muito mais prático: ele entrelaçava dois elásticos de escritório (aquelas famosas “liguinhas” de borracha sabe?) e colocava no braço. Para ele, de dia estava protegido pelos elásticos e de noite pelas castanhas.  

Efeito placebo é real minha gente. 

Engraçado que quando questionado se essas técnicas realmente funcionavam ele simplesmente nos dizia: “Bom, eu não sinto câimbras!” E caso você esteja achando que isso era uma loucura única do meu avô, saiba que não, pois a avó de uma colega que trabalha aqui comigo colocava uma colher embaixo do seu travesseiro para dormir. – “Será que eles tinham um clube para compartilhar essas coisas?”, “Um grupo no whatsapp?”, “Uma comunidade no Orkut?” 

Bom… Para meu avô, qualquer técnica para poder evitar essas dores horríveis eram válidas. Jamais conseguiremos provar se realmente eram ou não, mas ainda ficou faltando uma informação: ele comia MUITA banana. E acho que todos sabem, mas a banana é rica em potássio, além de ser um dos alimentos que pode ajudar a diminuir as câimbras.

Homem correndo com caimbra

Há algumas coisas que podem ocasionar as câimbras e deixá-las mais frequentes, como por exemplo: 

  • Não beber muita água: quando não consumimos a quantidade de água necessária para o nosso corpo, não conseguimos transportar os nutrientes necessários. 
  • Falta de sódio: Nosso corpo elimina muito sódio e potássio diariamente, seja pelo suor ou pela urina. 

Se nosso corpo elimina tanto sódio e potássio, então o que devemos fazer é repor isso de alguma forma. Certo? Certo. 

As coisas que meu avô usava para não ter mais esses espasmos musculares não eram garantia de que ele não sentiria mais dor. Mas vou te dar umas dicas aqui do que fazer para não ter câimbra que são 100% seguras e comprovadas. 

Antes de mais nada, é importante que você crie um hábito de alongar seu corpo, seus braços, pernas, coluna… Isso deixa o músculo mais relaxado e menos propenso a ter contrações. Combine isso com alimentos ricos em cálcio, potássio e magnésio (substâncias que, quando em falta no nosso corpo, podem ocasionar a câimbra.)  
 
Alguns desses alimentos são: 

Alimentos que ajudam a evitar a caimbra

E aí, quais desses truques CONVENCIONAIS você vai aplicar na sua vida?  
 
Que alimentos você vai adotar para serem seus elásticos no braço e suas castanhas portuguesas embaixo do travesseiro? 
 
Por um mundo com menos câimbras! 

Assinatura Desinchá

2
Comente aqui

avatar
1 Comentários
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Thayná RamosMichele Oliveira Mendonça Prado Recent comment authors
newest oldest
Michele Oliveira Mendonça Prado
Visitante
Michele Oliveira Mendonça Prado

Mais banana e água, preciso beber mais! Kkkk

Thayná Ramos
Editor
Thayná Ramos

Com certeza !! Não tem maneira melhor de evitar essas dores 💚