O quanto você sabe sobre os seus glúteos?

Hoje o assunto é sobre um clichê, principalmente aqui no Brasil: BUNDA.

Na verdade, glúteos. Pois vamos falar coisas mais técnicas envolvendo essa parte do nosso corpo. Mas achei que “bunda” ia prender mais a sua atenção.

ON AIR LOL GIF BY ELVIS DURAN SHOW

Aqui, em terras tupiniquins, elevamos o culto ao corpo a enésima potência e os glúteos (bunda) sempre foram a parte favorita de boa parte da nossa população. Mas, durante as décadas, alguns “aperfeiçoamentos” foram surgindo na estética do corpo do brasileiro e vemos o reflexo disso hoje nos Instagrams da vida.

Não sei exatamente se o que mudou foi o conceito de corpo bonito, ou o de corpo saudável. Mas o que um dia já foi um corpo magro com algumas partes, como o glúteo, mais avantajadas, hoje é um corpo extremamente musculoso (e com os glúteos maiores ainda).

O quanto isso é saudável… bom, eu não sei dizer e acho que não vem ao caso. Mas dá um trabalho que meu deus.

Seja para ter um corpo simplesmente em forma ou para deixá-lo cheio de músculos definidos tal qual Gracyanne Barbosa, o treino pesado de glúteos estará sempre lá. Principalmente para mulheres, sim. Mas deveria ser para homens também, pois exercitar essa parte do corpo traz diversos benefícios que eu confesso que não sabia antes de pesquisar sobre o assunto. E alguns mitos que eu considerava verdade também.

Gato batendo na bunda.gif

Ou seja, você pode estar ou fazendo isso errado, ou simplesmente deixando de fazer algo importante. Então vamos lá:

Começando por um ponto importante que (eu acho) as mulheres já devem saber, mas tenho certeza que muitos homens, assim como eu, não param muito pra pensar: seus glúteos que dão sustentação para todas as partes da perna. Pois é, amiguinho leitor, seu pé, tornozelo, joelho e coxas funcionam muito melhor quando se tem a musculatura dos glúteos forte. Ele é o principal e mais volumoso músculo do nosso quadril, servindo, principalmente, para estabilizar o nosso corpo. E além de proteger e fortificar as partes citadas acima, também protege o quadril e até mesmo a coluna lombar.

Falando mais funcionalmente, esse músculo serve para nos empurrar pra frente quando andamos. A contração permite que uma perna vá para trás, ajudando a outra a seguir adiante. Uma maravilha da natureza.

Pêssego dançando

Pena que essa mesma natureza só não poderia prever que passaríamos tanto tempo sentados. Isso significa que muitas funções dessa nobre parte do corpo são pouco ou nada utilizadas. Nossas nádegas se adaptaram ao século XXI transformando-se em verdadeiras almofadas para ficarmos mais confortáveis nas cadeiras pelo mundo. E isso gera acúmulo de gordura no local, que as pessoas muitas vezes confundem com músculos. Tudo bem, é compreensível.

 

É aí que entramos na parte que todos gostam: uma listinha de mitos sobre os glúteos:

  • Fazer bastante exercício cardiovascular NÃO vai queimar mais gordura nessa zona do corpo.

Essa é uma falácia exatamente sobre a gordura na região. Exercícios cardiovasculares são maravilhosos e vão ajudar a desenvolver sua musculatura. Mas eles não vão queimar gordura em lugares específicos que você quer. Seja o simulador de escada ou qualquer outro;

 

  • Fazer sempre os mesmos exercícios de forma insistente NÃO vai resolver.

 Alguns exercícios são ótimos para trabalhar a musculatura dos glúteos e coxas, mas se você se prender sempre nos mesmos, não vai conseguir tanto resultado. O segredo para desenvolver ao máximo é variar os exercícios físicos sempre;

 

  • Corrida de velocidade NÃO NECESSARIAMENTE faz aumentar a musculatura.

Essa é uma atividade intensa, sim. Mas não vai fazer você perder gordura especificamente em uma região e não é melhor que outros exercícios (e tem muito mais probabilidade de você se lesionar). Corredores também fazem musculação para ajudar;

 

  • Esse talvez seja o mais importante: fazendo apenas musculação, você NÃO vai desenvolver ao máximo seus glúteos e coxas.

Além da musculação, uma dieta correta e exercícios cardiovasculares são indispensáveis. Caso você não faça alguma dessas 3, dificilmente otimizará seu nível de gordura corporal.

 

  • NÃO é coisa de mulher.

Eu já dei um spoiler lá em cima. Mas vamos lá, homens: temos a mesma estrutura corporal e a necessidade de ter um corpo estável, forte e sem dores é universal. Então vamos parar de bobagem e começar a melhorar essas nádegas;

 

O quanto você sabe sobre os seus glúteos?

 

Agora algumas verdades:

  • Diminui as dores lombares.

Como dito antes, os glúteos são super importantes para a coluna, proporcionando estabilidade à articulação no fim da coluna por meio de apoio e compressão.

 

  • Ajuda a estabilizar os joelhos.

Glúteos preguiçosos diminuem a mobilidade das pernas e isso atrapalha a funcionalidade do joelho. Exercícios que fortalecem os glúteos corrigem a mobilidade dos joelhos também.

 

A função vem antes da estética, queridos leitores em busca de uma vida mais saudável. Portanto, saiba usar esse seu corpinho com eficiência. Os glúteos têm funções importantíssimas para o nosso corpo que vão além de crescerem e ficarem durinhos.

Assinatura Desinchá

Comente aqui

avatar