Problemas para dormir? Nós podemos te ajudar!

Desde que me conheço por gente, sempre tive o mesmo padrão de sono: ruim. Sei lá, acho que demorei pra perceber que eu estava com problemas para dormir. Pô, eu só conheço o meu sono, nunca soube como comparar com outro.  

Mas enfim, nada que acordar umas 5x durante a noite e passar o dia todo com sono não me ligasse um alerta. E antes de procurar um médico, procurei métodos “caseiros” para dormir com mais facilidade. Isso criou alguns vícios ruins, como dormir com a TV ligada (a voz do Jô Soares entrevistando alguém sempre me fez dormir em 10 segundos), tomar xarope para tosse (diziam que dava sono, fazer o que…) e até tentar meditar.  

Problemas para dormir? Nós podemos te ajudar!

Bem, jovens leitores, o problema é que esse sono ruim acumulado de mais de 20 anos me transformou em um zumbi num parque de diversões: sempre achei que estivesse tudo bem e estava lá, vivendo. Mas um pouco arrastado demais. Sempre tive dificuldades para acordar, para ME MANTER acordado, me concentrar, ou realizar qualquer atividade com o melhor que eu pudesse oferecer.  

E como eu descobri isso? Da maneira que eu considero a pior possível: tomando remédios. Vendo que, sob efeito dessas drogas, meu desempenho em praticamente tudo ao meu redor melhorava. Ou seja: por quase toda minha vida, com quase 30 anos, eu submeti o meu corpo a hábitos extremamente prejudiciais. Seja pelo efeito de todas as noites mal dormidas ou pelo estrago que remédios fazem ao nosso organismo.  

Não seja essa pessoa. O sono é uma das coisas mais importantes que existem e é possível ajustá-lo sem muito sofrimento. A privação de sono aumenta o risco de doenças como diabetes, hipertensão arterial, doenças cardiovasculares e até obesidade. Mas sei que dormir 8 horas BEM dormidas é um luxo para poucos. Alguns dados do Instituto do Sono:  

  • 63% da população adulta do País têm alguma queixa relacionada ao sono
  • A insônia atinge 73 milhões de brasileiros; 
  • Em São Paulo, 25% da população apresenta problemas para dormir; 
  • 27% acorda precocemente; 
  • 36% têm dificuldade de manter o sono. 

E as causas são bem fáceis de imaginar: elas estão relacionadas com o estresse do dia a dia agitado do mundo contemporâneo e com a baixa produção de serotonina, um neurotransmissor que regula o ritmo do sono.  

Uma noite de sono bem dormida costuma levar de 6 a 8 horas. Alguns conseguem ficar bem com 5 horas de sono, outros precisam de até 9 ou 10 horas. No geral, os mais velhos precisam de menos horas do que crianças e adolescentes. 

Você pode seguir essas dicas para dar o primeiro passo na melhora do seu sono:  

  • Não exagere nas refeições antes de deitar;  
  • Faça exercícios físicos durante o dia, mas evite-os à noite;  
  • Evite cafeína, nicotina e álcool ao final do dia; 
  • Deite sempre no mesmo horário, inclusive aos finais de semana;  
  • Tente relaxar com exercícios específicos ou tome um banho quente antes de deitar; 
  • Evite dormir durante o dia. Caso você precise muito, durma por no máximo 1 hora, antes das 15h; 
  • Não ligue a TV no quarto;  
  • Use a cama apenas para dormir; 
  • Se passar meia hora e você ainda não tiver dormido, tente ler um livro no máximo com a luz de um abajur.  

Se nada disso diminuir os problemas para dormir, aí é chegada a hora de procurar um médico. Existem distúrbios do sono que são muito graves e precisam de acompanhamento, como a apneia. Você pode precisar de tratamento clínico, algum aparelho para auxiliar ou até mesmo uma cirurgia.  

Ainda temos mais um problema sem solução em nossos tempos atuais: os tablets e celulares. Como muitas pessoas, principalmente adolescentes, têm usado esses aparelhos antes de dormir, o sono delas tem sido prejudicado. Fica aí a preocupação e o desafio.  

Mas ainda tenho uma última dica: antes de deitar, quando já tiver feito os rituais de sempre (melhor ainda se forem os da lista aqui de cima), prepare um Desinchá Noite. Seu sono vai ser melhor do que nunca!  

Depois conta pra gente o que achou. 😉 

Assinatura Desinchá

Comente aqui

avatar