Loja Oscar Freire

Loja Rappi

Lojas parceiras

Desinblog

Desinchef

E-books

Cursos

Quem somos

Trabalhe Conosco

Regime: uma palavra pra deletar da sua vida

Só de pensar na palavra “regime”, vem um calafrio. Pelo menos para nós, que sempre prezamos pelo bem-estar e pela saúde a longo prazo. 

Todos os dias escutamos alguém dizer sobre seu desejo de fazer um regime para o verão, emagrecer “para ficar mais bonito(a)”. À parte nossa opinião sobre a beleza desvinculada da estética padrão, fato é que o regime não é uma opção saudável. E nós mostramos porque você deve deletar essa palavra da sua vida e adotar a dieta.

regime


Regime não!

Fazer regime é adotar uma série de restrições na alimentação para conseguir um resultado imediato (em geral, a perda de peso). O problema é que depois o peso volta todo, porque ele não é sustentável a longo prazo. 

Já ouviu falar em efeito sanfona, certo? Ele ocorre quando há sucessivas perdas e ganhos de peso, e costuma aparecer quando a pessoa adota uma alimentação muito restritiva – o regime. Essa oscilação de peso pode ser, inclusive, mais prejudicial que a obesidade, porque bagunça o organismo.

E por que o regime provoca o efeito sanfona? Nosso cérebro entende que a perda brusca de gordura ameaça a integridade do organismo. Para ele, estamos em uma situação de escassez. Em compensação, o cérebro ativa mecanismos que fomentam o ganho de peso, como a desaceleração do metabolismo. O corpo tenta recuperar o peso perdido e armazena mais gordura para “sobreviver”. O regime acaba, a pessoa volta a comer como antes, mas o corpo absorve toda essa energia.

O grande problema do regime é ser prejudicial ao corpo. A ausência de determinados alimentos pode desencadear desordens no organismo e gerar problemas de saúde. É comum ver pessoas que realizam regime reclamando de dor de cabeça, indisposição, fraqueza, mau-humor. E temos certeza que você não deseja isso para si.

Por isso, para evitar tudo de ruim que o regime traz, a solução saudável é a reeducação alimentar. A dieta.

 

Dieta sim

Dieta é a mudança nos hábitos alimentares para que o indivíduo se alimente corretamente, conforme as necessidades de seu organismo. Ela leva em conta múltiplos fatores para encontrar um plano alimentar balanceado para a pessoa. E, claro, o objetivo.

Uma mulher que deseja ganhar massa magra terá uma dieta com muitas opções de proteínas, por exemplo. Se ela quer perder peso, a ideia da dieta pode ser diminuir o açúcar e investir em alimentos termogênicos.

Existe ainda a dieta voltada para o controle de doenças, como diabetes, hipertensão ou desnutrição. E o que dizer das pessoas que querem cortar a carne? da alimentação? A transição para o vegetarianismo demanda uma reeducação alimentar. Por isso, veganos e vegetarianos também precisam de uma dieta. O mesmo ocorre com quem tem intolerância a glúten, a lactose e a outros alimentos.

 

Regime x Dieta

Pode parecer semelhante, mas não é igual. Se você ainda faz confusão com os termos “regime” e “dieta”, sua dúvida está prestes a acabar. 

A nutricionista Duane Amorim explicou que o principal ponto de distinção entre regime e dieta é a flexibilidade alimentar

O regime segue uma linha radical de cortes e excessos, com o objetivo principal de perda de peso ou emagrecimento. A dieta busca se enquadrar no cotidiano da pessoa. Ela preza pela alimentação mais equilibrada. Por isso, os especialistas costumam chamar a dieta de reeducação alimentar.

Imagine duas mulheres com casamento marcado para daqui a 5 meses. Uma delas deseja perder alguns quilos para a cerimônia. Ela poderia consultar um(a) nutricionista para fazer um plano alimentar com este objetivo. É provável que este profissional sugira uma reeducação alimentar, porque ela não agride a saúde. Em 5 meses, é possível perder os quilos desejados.

Mas pense agora que essa mulher decidiu emagrecer faltando um mês para a cerimônia. E decidiu, da própria cabeça, que cortaria todos os carboidratos, comeria pouco, doces são proibidos. Ela pode até atingir ao objetivo, mas tomara que a outra mulher seja paciente, porque provavelmente a noiva ficará muito mal-humorada nesse período.

E não só isso: ela submeterá o próprio corpo a um estresse muito grande. Quando passar seu objetivo, pode acontecer um “rebote”, ocasionando o efeito sanfona. Não é nada legal.


Reeduque-se

A forma eficaz de perder peso com saúde e permanência é mudar seus hábitos. Com o auxílio de profissionais, o emagrecimento ocorrerá de maneira gradativa. O efeito será duradouro, e sua satisfação também. A reeducação é a chave de tudo.

Em primeiro lugar, a reeducação alimentar. Uma dieta equilibrada, incorporando os diferentes grupos de alimentos, fornece tudo que é indispensável ao seu organismo. E isso vale para qualquer pessoa, independentemente de idade, sexo e condição de saúde. Todos precisamos ingerir alimentos de todos os grupos, em menor ou maior medida, conforme avaliação profissional.

Em segundo lugar, a reeducação quanto aos hábitos saudáveis. Dormir bem, beber água, optar por alimentos nutritivos e praticar atividades físicas ajudarão você a ter mais qualidade de vida. Sorrir bastante também. Sua saúde agradece.

 

Se você deseja emagrecer ou apenas ter uma alimentação melhor, corte a palavra “regime” de seu vocabulário. Seu equilíbrio reside em uma dieta equilibrada e bons hábitos de vida. Caso esteja disposto(a) a ter uma vida mais saudável, cogite buscar acompanhamento profissional para fazer a reeducação alimentar. Seus resultados serão para a vida inteira!

Desinchá

Comente aqui

avatar