Sedentarismo e os malditos cupons de aplicativos

Desde que o mundo é mundo, o corpo humano tem como função realizar determinadas tarefas e o sedentarismo não é uma delas. A gente pesquisou alguns artigos e leu muitos livros, mas não foi possível provar que fomos feitos para ficar na cadeira o dia inteiroandar de carro de lá pra cá e ficar pedindo delivery toda semana. 

Perguntamos à Dra. Sylvia Dalcolmo, especialista em hematologia, se é indicado ficar um fim de semana inteiro maratonando uma série no sofá. Sua resposta foi alarmante: “Não”. Tá feliz, Netflix?

Sedentarismo e os malditos cupons de aplicativos

DARWIN EXPLICA 

Quem se move, sobrevive. Lá em 10 mil anos a.C, o que diferenciava a caça do caçador era o movimento. Basicamente quem corre mais longe, mais rápido e descansa menos tem mais chance de sobreviver. O humano que somos hoje é descendente desse aí que sobreviveu. E sabe o que ele passou de geração em geração? A capacidade de estocar gordura e carboidratos. Somos geneticamente excelentes poupadores. Pode se chamar de herdeiro ou herdeira. 

Infelizmente, o que acontece hoje é um grande descompasso. Essa nossa característica não acompanhou as revoluções industriais e tecnológicas que trazem alimento pra gente sem esforço, enquanto a atividade física, grande motivadora desta estocagem, se tornou dispensável.  

Você pode entender isso de 2 maneiras: 

1 – Nossos genes pré-históricos não respondem ao nosso estilo de vida high-tech, digital e sedentário. 

2 – A atividade física é fundamental para que nossos genes possam responder da maneira certa ao nosso ambiente. 
 

O SEDENTARISMO É INIMIGO DA SAÚDE

Infarto, hipertensão, câncer de cólon, câncer de mama, diabetes tipo II, osteoporose, depressão, demência, ansiedade. O sedentarismo só é bom como inspiração para o Arnaldo Antunes escrever uma nova versão de O Pulso Ainda Pulsa. Agora sério: a inatividade física aumenta a incidência de todas essas doenças e é um problema de saúde pública.  

Estamos falando de 70% da população adulta brasileira que não atinge os níveis mínimos recomendados de atividade física e é assomada por doenças crônicas.  

Pesquisas revelam que os exercícios fortalecem o coração, aceleram o fluxo sanguíneo, mantêm vasos sanguíneos abertos e baixam a pressão sanguínea regular e a pressão sanguínea em resposta ao estresse (!!!!!). 
 

SÍNDROME DA BUNDA MORTA

Saudações, como vai sua bunda? Já escrevemos aqui sobre como os glúteos são, além de lindos, muito importantes. Mas agora temos a informação que ELES CORREM RISCO DE MORTE.  Essa síndrome é a insuficiência do glúteo médio que causa dores no quadril e sobrecarrega a sua lombar, joelhos e tornozelos. Ela atinge pessoas sedentárias e pessoas que praticam exercícios sem fortalecer os músculos certos, então cuidado! Pela vida das bundas.  
 

O SEDENTARISMO É INIMIGO DA SAÚDE MENTAL

Menos exercícios correspondem a mais atividade cerebral em áreas essenciais para os sentimentos de recompensa e motivação. Por quê? Exercício físico libera neurotransmissores como noradrenalina, serotonina e endorfina. A.K.A uma surra de bem-estar e felicidade que só quem se move pode ter. 
 

SAÚDE FINANCEIRA TAMBÉM É SAÚDE MENTAL 

As soluções mais práticas poupam tempo e trabalho, mas não poupam dinheiro.  A facilidade de ter comida em casa ou de pegar uma carona mexe bastante no bolso. 

Os aplicativos de carona e de delivery são grandes torcedores do sedentarismo e estão ganhando cada vez mais espaço oferecendo cupons de desconto e praticidade para quem está desorganizado. Ao mesmo tempo, estão criando novos hábitos difíceis de serem quebrados e faturas de cartão de crédito com mais de 10 pedidos do mesmo serviço. A nossa relação com dinheiro também gera ansiedade e abre espaço para o estresse e deslizes no autocuidado.  

 

MOVA-SE! 

O exercício moderado não traz só qualidade de vida, mas quantidade de vida.  

Se o dia está corrido, se o cansaço fala mais alto, avalie toda a sua rotina e reveja suas vontades e necessidades. É pelo bem do seu corpo, do bolso e da sua mente. Pode contar com a gente.   

 

O curso 7×7 Deixando o Sedentarismo da Desinchá Academy pode te ajudar nesse desafio.

7 dias. 10 minutos de exercícios por dia. Com esse programa, o personal Norton Mello vai lhe tirar do sedentarismo, movimentar seus músculos e lhe fazer sentir os benefícios das atividades físicas.

7x7 Deixando o Sedentarismo
 

Fontes: 

Sedentarismo, exercício e doenças crônicas
Globo Esporte |  Síndrome da Bunda Morta 

Comente aqui

avatar