Será mesmo que peito de peru é saudável?

Todo mundo que decidiu começar uma vida mais saudável já deve ter trocado alguma refeição por peito de peru. Ou pelo menos trocava. Mas será mesmo que peito de peru é saudável? Nos últimos anos muitas questões foram levantadas com relação aos chamados “embutidos”.

Realmente, o peito de peru possui menos calorias. Tanto que foi parar em diversos cardápios de restaurantes que se intitulam “saudáveis”. Mas esse benefício não significa praticamente nada quando pensamos na composição desse embutido: grande quantidade de sódio (500mg em 2 fatias), aditivos químicos, conservantes e corantes.

O que acontece é o seguinte: o peito de peru sempre foi um alimento mais seco, tipo aqueles que você vê no Natal mesmo. Com o tempo, as empresas que produzem esse alimento foram alterando a sua composição para melhorar o sabor, a aparência e a validade.

Você deve se lembrar quando alimentos light entraram na moda, né? Pois é, as pessoas pensavam que, cortando gordura, tudo se resolvia. Hoje em dia, muito pelo aumento de determinadas doenças, nos preocupamos também em como o alimento é produzido. Ou seja: o peito de peru, que possui muitos químicos na sua produção, deixou de ser considerado saudável. Ainda bem!

Será mesmo que peito de peru é saudável?

Peito de peru e o câncer 

A OMS (Organização Mundial de Saúde) fez uma pesquisa que relacionou o peito de peru e outras carnes processadas ao câncer. No artigo, a OMS diz que o consumo diário de 50g de peito de peru aumenta em 18% o risco de adquirir câncer colorretal.  

Para você ter uma ideia:  

 

Não deixe o peito de peru roubar a sua energia 

Não existem apenas os alimentos que te dão mais energia. O contrário também é bem comum e, como você pode imaginar, o peito de peru e todos os outros embutidos estão entre eles.  

Isso acontece pois eles são um tipo de alimento que dá muito trabalho para o organismo: muitos nutrientes armazenados em nosso corpo são utilizados para combater os processos inflamatórios e oxidantes causados pelo excesso de corantes e outras substâncias. Ou seja, começa a faltar nutrientes para outras funções e você se sente cansado.  

 

O que comer, então?  

Não é tão difícil assim, juro. Você pode substituir o peito de peru por ovo cozido, patê de atum ou de frango, rosbife caseiro, hommus, pasta de tofu, peixe assado… Enfim, opções não faltam. O mais importante é saber que o alimento que você está consumido é rico em nutrientes e não possui conservantes nem outros químicos.  

 

Não se deixe enganar, meu jovem. Lembre-se sempre: “baixas calorias” não é sinônimo de boa nutrição! 

Assinatura Desinchá

Comente aqui

avatar