Vamos falar de café?

Você sabia que a palavra “café” é pesquisada aproximadamente 201.000 vezes por mês? Ou seja, se ele é tão pesquisado, com certeza surgem dúvidas sobre esse alimento. Nada melhor do que a nutricionista aqui vir clarear a mente de vocês sobre o café.  

E aí, o que precisamos saber sobre ele? 

O café é uma bebida produzida a partir dos grãos torrados do fruto do cafeeiro, originada na Etiópia, no centro da África, onde ainda hoje faz parte da vegetação natural. Normalmente é servido quente, mas também pode ser consumido gelado. O café é uma das bebidas mais consumida e produzida do mundo, sendo o Brasil o líder de maior produtor de café do mundo há mais de 100 anos (pasme!). 

Curiosidade: Em Portugal consomem-se 4,7 quilos de café por pessoa por ano, valor abaixo do consumo médio no resto da Europa 6,4 quilos por ano. Loucura, né? 

Quem resiste ao cheirinho do café pela manhã ou no meio da tarde? Eu sei que eu amo! Para muitas pessoas tomar um cafezinho é uma das coisas mais gostosas que há, sendo o hábito diário de muitas pessoas. Razões do porquê o café é um alimento riquíssimo, não faltam. E vou te provar: 

Vamos falar de café?

VOCÊ SABE O QUE TÊM NO CAFÉ? 

Vamos começar com o básico: cafeína. Muitos sabem do famoso composto que o café possui e que é o responsável por nos deixar acordados após uma xícara. Mas você como e por que isso acontece? 

A cafeína bloqueia os receptores da adenosina. WHAT? Calma, vamos entender melhor: a adenosina é uma substância química do cérebro (neurotransmissor) que é responsável pelas sensações de sono e cansaço. Cerca de 10 minutos após você tomar um pouquinho de café, a cafeína entra em ação e faz com que a adenosina faça efeitos contrários ao de costume, ou seja, te deixando em estado de alerta e desperto. Deu para entender? 

Mas muitos babem café todos os dias e não sabem o tanto de substâncias ricas que ele possui. Café não tem só cafeína não, viu! O café possui em média de 1 a 1,25% de cafeína. Então o que sobra daqueles 99% 😉? 

O grão do café verde possui uma grande variedade de minerais como potássio, magnésio, ferro e ainda aminoácidos, açúcares, lipídios e muitos outros! Além dos minerais, quando ainda verde, ele ainda possui vitamina B3, e em maior quantidade que os demais, o ácido clorogênico (fitoquímico que é capaz de regular níveis de açúcar no sangue, tendo efeito antidiabético), na proporção de 7 a 10%, isto é, 3 a 5 vezes mais que a quantidade de cafeína. 

Ok, mas porque estamos falando do grão do café verde se tomamos ele torrado? Então, apenas a cafeína é termo-estável, o que significa que é a única substância que não é destruída com a torra excessiva do grão do café ☹. As demais substâncias como aminoácidos, lipídeos, açúcares e o ácido clorogênico podem ser preservadas ou destruídas, dependendo do processo de torra. 

 

Essas são as substâncias presentes no grão de café (conforme torra) e na bebida: 

Substâncias presentes no café

 

Comparativo de minerais do café para outros produtos 

Comparativo de minerais do café para outros produtos

Agora que cansei um pouco seus miolos falando da ciência do café, que tal eu mostrar alguns dos benefícios que o café nos proporciona? 

 

BENEFÍCIOS DO CAFÉ 

Te dá Energia 

“Tá com sono? Pega um cafezinho. Quem nunca escutou essa? 

O café é considerado uma bebida estimulante energética e quem ajuda nisso é a cafeína. Substâncias presentes no grão do café fazem com que o rendimento do corpo aumente e combatam sono e cansaço. Isso ocorre porque um dos efeitos da cafeína estimula o sistema nervoso central, melhorando nosso estado de alerta, capacidade de aprendizado e resistência ao esforço físico. 

 

No Stress 

Alguns estudos mostraram que o café juntamente da cafeína ajuda a aliviar o estresse! Além disso ele melhora o humor e garante mais desempenho no tempo de reação, memoria e raciocínio  

 

Ajuda no funcionamento do intestino 

Aquela xícara de café pós almoço tem seu valor! O café estimula os intestinos (delgado e grosso) e o reflexo do estomago, aumentando o movimento do colón (parte final do tubo digestivo) e facilita a digestão. Falando no português claro: ajuda a você ir ao banheiro. Já sentiu aquela vontade de ir ao banheiro depois do café e não entendeu por quê? A cafeína promove a ativação da gastrina, hormônio conhecido por ativar o colón (que é a saída mais próxima, se é que você me entende). Depois disso é capaz que você tenha que dar aquela passadinha no banheiro. Isso é tão rápido quanto 4 minutos após a xícara de café.  

Mas isso não acontece com todo mundo: somente 23% dos consumidores de café sentem o efeito, sendo as mulheres 2 vezes mais propicias do que os homens. Isso varia de acordo com os hábitos diários de cada um e sua sensibilidade à cafeína. 

Interessante, não? 

 

Rejuvenesce a pele 

O café verde tem substâncias antioxidantes que é explorado principalmente pela indústria de cosméticos. Marcas como Natura e Avon, apostam nessas substâncias extraídas do café para melhorar a eficácia de seus produtos.  

Aposto que você nem imaginava isso. 

 

Pode ajudar a prevenir Alzheimer e outras doenças 

Verdade! O café pode retardar os sintomas da doença de Alzheimer. Café geralmente melhora a memória, graças aos efeitos da cafeína sobre alguns dos neurotransmissores do cérebro. 

Outras pesquisas já provaram que beber café também diminui os riscos de doenças como diabetes tipo 2, depressão em mulheres e Parkinson. 

 

Posso ficar aqui por muito tempo citando inúmeros benefícios do café, mas além disso, gostaria de alertar sobre alguns cuidados que devemos ter também com as doses que tomamos de café durante o dia. Nada em excesso é bom, hein galera! 

 

CAFÉ-MANIACOSCUIDADO 

Por conta de a cafeína atuar no sistema nervoso central, sentimos um pique extra após beber um cafezinho. Por isso é recomendado que você não consuma café a contando seis horas antes de dormir. E por quê? Vamos evitar possíveis noites mal dormidas por causa da cafeína que circula no cérebro. 

 

Afinal, qual a dose diária de café? 

Até três xícaras de café (xícaras amores, e não canecas de 300ml 😉) por dia é o ideal para nosso amado café nos trazer seus benefícios e não causar males à saúde  

PS: uma xícara de café = 50ml, então um total de 150 ml por dia está ok. 

Nutri, o espresso é mais forte, devo tomar menos xícaras? Não. Não existe diferença entre o café coado e o café espresso em termos de cafeína. 

 

E o que o café em excesso pode causar? 

Por ser uma bebida estimulante, ela aumenta a vasoconstrição, a pressão arterial e o risco de arritmia (coração batendo muito rápido). E assim, pode aumentar também o risco de infarto (não queremos isso, né?). 

A cafeína presente no café também pode prejudicar nosso sono de beleza e levar à insônia. Então lembrem-se: nada de café seis horas antes de dormir, ok? 

Além disso, café pode viciar 

Quanto mais você toma café ao longo dos anos, maior a possibilidade de alterar a química do seu cérebro. Lembra que eu contei como funciona a cafeína? Então, com o aumento do consumo da cafeína, mais receptores da adenosina são produzidos, pois, como a cafeína substitui a adenosina em seus receptores, seu corpo entende que precisa de mais e mais receptores para a cafeína em excesso. Isso pode causar uma dependência como um vício, podendo existir sintomas de abstinência se você tentar reduzir o consumo. Então vamos com moderação, certo? 

 

VOCÊ TOMA CAFÉ LOGO QUE ACORDA? 

Se a resposta for sim, saiba que não você precisa tomar logo que acorda. Estava achando que o café ia te acordar tomando logo que acorda? Errado. Vem entender porque: 

O nosso corpo produz um hormônio chamado cortisol, faz com que nos ative uma sensação de alerta (mesmo efeito que a cafeína faz). O cortisol começa a atingir seu nível máximo assim que acordamos e saímos da cama. Resumindo, quando tomamos café depois de se levantar com o intuito de “acordar”, estamos desperdiçando a cafeína, pois o cortisol já nos trás esse efeito. O ideal é esperar um tempinho: 

Horário ideal para tomar café

Então por exemplo se você acorda às 8h, o recomendado para que você não “desperdice cafeína” é que você beba seu café 1:30 depois, então beberia as 9:30. A tarde, quantidade do hormônio do cortisol no nosso corpo começa a cair entre 13h30-17h, então já sabe, né? Hora do cafézin! Lembrando que se você gosta de tomar seu café logo que acorda, por puro prazer, não tem problema! Isso é só uma dica para podermos otimizar a cafeína que tomamos para beber café na hora certinha para termos o efeito desejado do café de “estar acordadão”. 

 

Vai dizer que agora você não pode ser considerado um expert em café? Depois de tanta informação falando deste pozinho marrom tenho certeza que ficou com água na boca de vontade de beber um cafezinho. Então, tá esperando o que?  

Vai preparar seu Evolution Coffee e beba ele enquanto lê mais textos aqui do nosso blog! 

 

 

Comente aqui

avatar